Iniciando no mundo GNU/Linux

Só por estar lendo este post quer dizer que você tem, no mínimo, um interesse em sistemas GNU/Linux.

Este post tem como objetivo apresentar o sistema e ajudar novos usuários com algumas dicas que julgamos importantes para quem está começando neste novo mundo.

Por que usar GNU/Linux?

  • Não é necessário instalar programas antivírus e antispyware;
  • Com uma infinidade de distribuições, é possível instalar o sistema tanto em um pc top de linha quanto em um Pentium 100MHz com 64MB de memória (ou inferior a isto);
  • Dependendo da distribuição, todo sistema é atualizado com um clique;
  • É possível personalizar completamente sua área de trabalho. Se acha que trocar temas do Windows é personalizar, você não viu nada!
  • A comunidade envolvida com o desenvolvimento do GNU/Linux é muito grande. Vai além de uma equipe específica contratada para criar um software. São milhares de pessoas, com conhecimentos diversos, que voluntariamente contribuem para o sistema em si, corrigindo falhas de segurança, gerando documentações, traduzindo programas, etc;
  • O sistema é muito estável. Existem máquinas que rodam meses sem necessidade de reinício;
  • Podemos baixar e distribuir o sistema livremente;
  • Citei as razões que considero mais importantes, se quiser outras, acesse Why Linux is Better.

    Por que o nome GNU/Linux?

    Kernel (ou núcleo) é o componente central do sistema operacional da maioria dos computadores [1]. Ele faz a comunicação entre hardware (impressora, monitor, mouse, teclado) e software (aplicativos em geral) [2]. Mas você não pode usar um núcleo sozinho; um núcleo só é útil como parte de todo um sistema operacional. Linux é normalmente utilizado em combinação com o sistema operacional GNU: o sistema é basicamente GNU, com Linux funcionando como núcleo. [3]

    O Projeto GNU, idealizado em 1983, desenvolveu um sistema operacional livre completo chamado “GNU” que é um superset do Unix. Nos anos 90, já haviam encontrado ou desenvolvido todos os componentes principais do sistema operacional, exceto um: o kernel. [4]
    Quando Linus Torvalds escreveu o Linux, ele completou a última grande lacuna. Pessoas puderam então colocar o Linux junto com o sistema GNU para compor um sistema livre completo: um sistema GNU baseado em Linux (ou sistema GNU/Linux, para simplificar). [3]

    Se você chamar o sistema operacional apenas de Linux, isto passa uma idéia enganosa quanto a origem, história e propósito do sistema. Se você chama-lo de GNU/Linux, isto passará uma idéia correta, mesmo que sem detalhes. [5]

    O que é Software Livre?

    Software Livre é uma questão de liberdade, não de preço. Ela se refere à liberdade dos usuários executarem, copiarem, distribuírem, estudarem, modificarem e aperfeiçoarem o software. Mais precisamente, ele se refere a quatro tipos de liberdade, para os usuários do software:

  • Liberdade n° 0: A liberdade de executar o programa, para qualquer propósito;
  • Liberdade n° 1: A liberdade de estudar como o programa funciona, e adaptá-lo para as suas necessidades *;
  • Liberdade n° 2: A liberdade de redistribuir cópias de modo que você possa ajudar ao seu próximo;
  • Liberdade n° 3: A liberdade de aperfeiçoar o programa, e liberar os seus aperfeiçoamentos, de modo que toda a comunidade se beneficie *;
  • * Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade. [6]

    Dicas para iniciantes

  • Use o google ou outras ferramentas de busca quando estiver com algum problema. Grande parte das questões (não só de GNU/Linux) já foram respondidas;
  • Seja educado ao pedir ajuda em fóruns, orkut, listas de discussão, etc. Faça perguntas bem formuladas e se não obtiver resposta, não fique upando tópicos nem exigindo ajuda. Lembre-se, ninguém é pago para lhe dar suporte;
  • Leia o artigo O Linux Não é o Windows. Nele, são esclarecidos diversos fatores em relação a comparação dos dois sistemas;
  • Faça backup dos seus dados antes de alterar as partições/instalar o sistema. Alguns instaladores são intuitivos, porém outros requerem um conhecimento mais avançado sobre o assunto;
  • Pode instalar o sistema em dual boot, assim caso tenha algum problema no Linux (sem internet, por exemplo), pode pesquisar no Windows;
  • Quer saber qual é a melhor distribuição para você? Faça o teste e descubra! Depois pode começar a buscar tutorias de instalação desta distribuição específica, para ir se familiarizando com ela;
  • Leia o artigo (Quase) Tudo o que você precisa saber para instalar uma distribuição do GNU/Linux.
  • Leia o artigo Como fazer perguntas inteligentes. Nele há dicas para conseguir uma resposta satisfatória para futuras dúvidas em relação ao sistema.
  • Como visto, existe muita leitura antes de entrar de cabeça na instalação do sistema. Obviamente, esse processo não é fixo e as informações mostradas aqui ajudam a conhecer o sistema previamente, para que não tenha surpresas desagradáveis ao instalar ou começar a utilizar o seu sistema.

    --- Atualização: 21/12/2010 ~ 14:30 ---

    “Como fazer perguntas inteligentes” adicionado à lista de dicas para iniciantes.

    Referências

    [1] – Kernel
    [2] – O que é Linux
    [3] – Linux e o Projeto GNU
    [4] – Introdução ao Projeto GNU
    [5] – O que está em um nome?
    [6] – O que é Software Livre?
    [7] – Comunidade Linux Brasil
    [8] – Guia FOCA – FOnte de Consulta e Aprendizado
    [9] – (Quase) Tudo o que você precisa saber para instalar uma distribuição do GNU/Linux
    [10] – Sobre vírus e o Linux
    [11] – Why Linux is Better
    [12] – O que são distribuições
    [13] – Qual é a melhor distribuição Linux para mim?
    [14] – Como fazer perguntas inteligentes?

    Anúncios
    Marcado com: ,
    Publicado em linux, terminal, ubuntu, windows/linux
    2 comentários em “Iniciando no mundo GNU/Linux
    1. assolan disse:

      Boa iniciativa man!
      Show de bola mesmo.

    2. As dicas são bem completas. Fora as referências que completam o artigo! Parabéns!

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

    Conectando a %s

    %d blogueiros gostam disto: